Dragão da maldade contra o santo guerreiro (longa-metragem)

Ficção, longa-metragem, 1968 (produção), 1969 (lançamento)

Sinopse Coirana e um grupo de cangaceiros invadem o Jardim das Piranhas ameaçando instalar o caos. Apesar da oposição do coronel Horácio, Matos contrata Antônio das Mortes para exterminar o bando. Em Jardim das Piranhas, o clima é tenso, o delírio de grandeza do Coronel, as ambições políticas do delegado, a desilusão do professor, a solidão triste de Laura, e a crise mística do padre. Após duelar com Coirana e vencê-lo, Antônio das Mortes recebe uma revelação da Santa e passa a agir em nome de seus conceitos de moral e justiça. Unindo-se ao Professor, elimina os jagunços de Mata Vaca, contratados pelo Coronel Horácio.

Ficha técnica Diretor: Glauber Rocha Produtor executivo: Zelito Viana Roteirista: Glauber Rocha Diretor de Fotografia: Affonso Beato Som Direto: Marlos Nobre Editor: Eduardo Escorel

Elenco: Mauricio do Valle, Odete Lara, Othon Bastos, Hugo Carvana, Jofre Soares, Lorival Pariz, Rosa Maria Penna, Emanuel Cavalcanti, Mário Gusmão, Vinícius Salvatori, Sane Scaldaferri.

Principais prêmios e participação em festivais • Festival de Cannes – Prêmio Palma de Ouro – Melhor Direção; Prêmio Fispresci, Prêmio Confederação Internacional de Cinema de Arte e Ensino • Festival de Louvaing – Primeiro Prêmio • Semana Internacional de Cinema e Autor – Prêmio Público • INC – Instituto Nacional de Cinema– Coruja de Ouro   

Fechar Menu