Minha namorada (longa-metragem)

Ficção, longa-metragem, 1971 (produção), 1972 (lançamento)

Sinopse
Maria e Fernando são um tradicional casal de namorados de classe média na cidade do Rio de Janeiro dos anos sessenta. Pedro, um colega do curso de francês de Maria, a chama para um encontro. Os dois começam a sair juntos e Maria termina seu relacionamento com Fernando para ficar com Pedro, jovem do Nordeste que vem estudar no Rio de Janeiro para o vestibular. Carminha, mãe de Maria, acha pílulas anticoncepcionais nas coisas da filha e resolve conversar com ela. Maria explica a situação e diz para mãe que Fernando não é o responsável. Carminha e Aldo, pais de Maria, desaprovam a atitude da filha. Pedro perde a bolsa do curso devido à sua distração com os estudos por causa de Maria. Os dois estão apaixonados e passam muito tempo juntos. Pedro recebe um telegrama do pai dizendo que ele deve voltar para o Nordeste, já que ele não tem mais condições de sustentá-lo no Rio de Janeiro. O rapaz volta para sua cidade natal. Maria sai de casa para morar com uma amiga e começa a procurar emprego. Fernando lhe arruma um trabalho e os dois voltam a namorar. Ela passa em casa para pegar algumas de suas coisas e recebe o consentimento dos pais para iniciar novo relacionamento. Maria está confusa porque ainda gosta de Pedro e, Fernando, apesar de querer se casar com ela, não aceita a situação. Pedro volta para o Rio e fala com Aldo sobre suas intenções para com Maria. Este apoia Pedro dando a ele o endereço de Maria. Pedro vai ao seu encontro. Os dois ficam juntos e fazem planos para o futuro.

Ficha técnica
Diretor: Zelito Viana e Armando Costa
Produtor executivo: Zelito Viana e Armando Costa         
Roteirista: Zelito Viana e Armando Costa
Diretor de fotografia: Leonardo Bartucci              
Editor: Alziea Cohen

Elenco: Laura Maria, Marcelo, Pedro Aguinaga

Ator(es) Convidado(s): Arduíno Colasanti, Ana Maria Magalhães, Sílvio Lamenha, Maria Clara Mariani.

Participação especial: Fernanda Montenegro, Jorge Dória

Fechar Menu